featured textos

O nosso romance

21.7.16Gabriel Lopes

Fotografia: Logan Cole
Fotografia: Logan Cole

Eu jamais imaginei naquele momento ao encontrar-te por acaso que estava conhecendo o amor da minha vida. Após pagar o romance que escolhi na livraria, aquela que fica ao lado do café, você apareceu. Sorriu timidamente enquanto entregava o troco do livro que havia comprado. Que tola, não acredito que me esqueci de pegar o que sobrou do dinheiro. Foi o que disse a ti e nós rimos em seguida, lembra?

Convidei-te para tomar uma xícara de uma bebida qualquer junto a mim, já que estávamos ali. Você optou por chá, enquanto eu saboreava o café que tomava. Como sempre fora um ótimo observador, percebeu que havíamos comprado o mesmo livro. Conversamos sobre nossas expectativas sobre o mesmo durante o instante que passamos sentados juntos degustando nossas bebidas. Ah, como foi bom!

Eu havia adorado você, o teu jeito. Achei incrível o quanto, mesmo sendo um completo desconhecido, fez sentir segura ao acompanhar-me até a rua onde iríamos nos separar, cada um seguindo para uma direção. Fiquei um pouco infeliz pelo fato de que iríamos nos distanciar a partir dali, mesmo sabendo que poderia te encontrar naquele café ou na mesma livraria daqui uns dias. Mas você me trouxe esperança, ao retirar uma caneta do bolso e escrever na primeira folha, da obra que comprei mais cedo, que me desejava uma excelente leitura, além de almejar ver-me novamente. Deixando seu nome e telefone, para que pudéssemos manter contato. Fiz o mesmo contigo, peguei a caneta que estava em suas mãos e fiz minha pequena dedicatória. Diga-me suas opiniões sobre este livro. E, é claro, meu nome e número.

Durante a semana seguinte, não conseguia tirar teu sorriso de meus pensamentos. Principalmente, quando via o "nosso" romance na estante. Eu estava tendo uma boa leitura, assim como você desejou, só esperava uma ligação ou mensagem sua.

Ah, meu Deus. Como eu gostaria que o quinto capítulo acontecesse com nós. Talvez em quinze minutos? Foi o que você enviou, sorri imediatamente ao ler. Quinto capítulo: o casal, depois de muito tempo sem se ver, se reencontra no mesmo lugar em que se conheceram. Isso significava que queria me ver. Certamente eu poderia estar lá em quinze minutos.

E foi assim que começou nossa história de amor, a mesma que hoje escrevo na mesa do café em que nos conhecemos. Desejo que um dia as pessoas possam admirar o nosso romance e que você chegue logo do trabalho para te dizer o quanto é extraordinário escrever sobre ti.

Confira também

14 comentários

  1. Ai que fofo, quem sabe um dia eu não vivo uma história de amor tipo essa <3

    blogdolcedulce.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Anna.
      Espero que tu possa viver sim um história como essa.
      Muito obrigado pelo comentário, volte sempre!

      Excluir
  2. Que texto perfeito, continue escrevendo!!

    www.guiadamodamasculina.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Kleberson.
      Muito obrigado! Pode deixar que irei.

      Excluir
  3. Ameeei <3333
    Vou colocar com certeza no links da semana no blog !

    www.sindromedoluxo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana Laura.
      Fico muito feliz que tenha gostado. Meu Deus! Não acredito que irá colocar nos links da semana. Muito obrigado! Nem sei o que dizer.

      Excluir
  4. Que texto mais foooofoo!! Quero esse talento pra escrever AGORA!

    Amei, um beijo

    https://menezeste.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ste.
      Muito obrigado! Fico super feliz que tenha gostado, volte sempre!

      Excluir
  5. Respostas
    1. Oi, Renan.
      Fico muito feliz que tenha gostado.

      Excluir
  6. Que texto mais amorzinho, adorei ♥
    Não gostei do título, parecia ser bem clichê mas adorei o momento em que ele fez sentido.
    www.itsbry.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bryan. Muito obrigado!
      Realmente, está um pouco clichê mesmo.

      Excluir
  7. Meeeeu Deeeeus, ainda tem homem que escreve essas obras primas??? Quê que é isso???Muita sinceridade, muita bondade, muita vontade de se querer um ao outro. Nada de joguinhos, nada de esconde esconde, de mentirinhas!!!! Sinceridade é tudo de bom!!!!
    Grande abraço!

    www.vivendolaforanoseua.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gisely.
      Muito obrigado pelo comentário. Tem sim, mas são poucos.

      Excluir

Postagens populares

Facebook

Formulário de contato